MP3 no K3B, linux é uma beleza!

12 08 2008

Hoje mais uma vez tive provas de que o mundo UNIX é o supra sumo dos SO, veja o meu problema:

Tinha prometido a um colega que iria gravar um CD, tinha que entregar o CD as 19:30, fui tentar gravar as 19:10, atrasado pra variar, quando coloquei o CD no drive o K3B já abriu automaticamente e me pediu se eu queria gravar um CD de dados ou música, olha que beleza !!!, cliquei em cd de música, em seguida o K3B me pediu para arrastar os arquivos que eu queria gravar, mas quando fui colocar as minhas MP3 no CD BAMMM, apareceu a mensagem:

FORMATO MP3 NÃO SUPORTADO

Pootz fiquei pensando caramba não vai dar tempo, mais que depresa fui no google e digitei K3B MP3 e zaz cai no forum do guia do hardware, o cara falou o seguinte

“Pode ser que o K3b tenha sido compilado sem o plugin K3b MAD Decoder, responsável pela decodificação de MP3. Veja se ele está instalado indo em Configurações, Configurar K3b, Plugins, Audio Decoder. Se estiver é provável que falte alguma dependência para ele funcionar.
Aconselho que você tente instalar outro pacote do K3b, usando sempre a ferramenta de gerenciamento da sua distro.
falou.”

Haaa não deu outra abri meu shell dei uma:

apt-cache search decode | egrep k3b

libk3b2-mp3 – The KDE cd burning application library – MP3 decoder
libk3b2-extracodecs – The KDE cd burning application library – extra decoders

Não tive dúvidas

apt-get install libk3b2-mp3

Pensei comigo, bom agora tenho que reinstalar o K3B! que nada só abri de novo arrastei minhas MP3 e zazzz funcionou, instalei a biblioteca gravei o CD e entreguei com folga de uns 5 minutos, aogra pensa se fosse no windo*…, tava fudido tinha que ir no baixaki proxurar o programa baixar da NEXT NEXT NEXT NEXT ….. NEXT NEXT até cançar dai REINICIAR o windows ahahahah e me falam que windows é melhor meu Deus que sacrilégio!

e viva o linux!

[]’s Anselmo Battisti

Anúncios

Ações

Information

35 responses

18 09 2008
Carlos

Meu Deus! Que estupidez! A princípio no Windows de todos os programas de gravação que conheço, nenhum exibiria esse erro tão tosco.

Segundo, eu posso resolver, você pode. Mas um usuário comum habituado a usar wizards não saberia.

Falta de visão … só pode ser, pra contar como vantagem um treco do Linux.

Acorda!

18 09 2008
battisti

>> Meu Deus! Que estupidez! A princípio no Windows de todos os programas de
>> gravação que conheço, nenhum exibiria esse erro tão tosco.
Tem certeza? E a tela azul com a mensagem, estouro de pilha 0x0000h000 heim

>> Segundo, eu posso resolver, você pode. Mas um usuário comum habituado a
>> usar wizards não saberia.
Sim eu posso resolver já você pela sua forma de pensar acho que não conseguiria.

>> Falta de visão … só pode ser, pra contar como vantagem um treco do Linux.
Sim estou contando vantagem e quem vem até aqui é pq passando pelo mesmo problema que eu e aqui vai achar a resposta

>> Acorda!
Não pago nada pelo meu SO, posso aprender com ele e melhorá-lo, acho que estou bem acordado

Obrigado pela visita e pelo comentário

18 09 2008
Carlos

Tela azul? Você é ainda desse tempo? Depois do 2000 nunca mais vi uma.

Seu blog é uma contradição total. Fala das maravilhas do Linux, e alguns posts acima, fala de travadas do Ubuntu… e que ele exibe os arquivos errados no Desktop.

Um bug que vamos dar o nome correto… é tosco! é tosco! é tosco! é tosco! é tosco! é tosco!

E sim, eu entendo de informática e entendo de Linux, mas sinceramente é um lixo e eu tenho mais interesse em produtividade.

Por exemplo… eu gravo e pronto! Heheheh

18 09 2008
battisti

Rapaz vc é um troll eu não tinha percebido e acho que você tbm não de deu conta, da uma lida nessa matéria e veja como você se encaixa perfeitamente no perfil 🙂

22 09 2008
Carlos

Troll? Não necessariamente. Mas como eu apontei as tuas contradições, parece-me que você perdeu os argumentos.

Eu te apontei a tua falta de visão e você não gostou. Não me culpe por isso.

Isso é comum em quem admira software fundo de quintal (like Linux) e não consegue ser objetivo ao analisar as deficiências e virtudes do mesmo.

É isso!

22 09 2008
battisti

Acho boa a discussão, mas alguém que vem me disser que nunca viu tela azul no windows depois do 2000 ou não o usa ou está com daltonismo!

Sobre produtividade da uma boa olhada ai nas ferramentas que você usa, provavelmente tem um monte de SL, e mesmo assim deve ser produtivo se achar que não usa nenhuma da um olha nos web server dos sites que você usa, 70% da internet passa por servidores que rodan *UNIX!

Bom eu uso SL e sou produtivo e conheço muita gente que está no mesmo time que eu (usuários de SL) e também são produtivos. Não se esqueça quem *UNIX existe desde os anos 70 já o windão ainda é um adolescente rebelde!

[]’s Anselmo Battisti

24 09 2008
Carlos

Não falei de software livre. Falei de Linux. De analisar objetivamente as qualidades de um software independente do fato dele ser “livre” ou não. Vamos tomar um exemplo: Firefox. É livre e excelente.

Quanto a sua comparação, como OS desktop o crianção é o Linux meu caro. Amigabilidade? Usabilidade? Tá chegando lá… chegando lá… e essas promessas de chegando lá vão se estendendo há anos.

É o Linux como OS Desktop que ainda precisa comer muito feijão, pra chegar perto da usabilidade e produtividade que um Windows dá a um usuário.

25 09 2008
battisti

Bom ai vai um link da revista info e olha que estes caras são tendenciosos.

http://info.abril.com.br/professional/linux-cia/linux-para-as-massas.shtml

25 09 2008
Carlos

Sempre os mesmos otimismos sem visão. O fato do Market Share dele ser apenas 0,93% fala mais alto que isso. Na frente tem o Mac que apesar do alto custo tem 7,86% de Market Share.

http://marketshare.hitslink.com/report.aspx?qprid=8

Mesmo o Windows 2000 tem mais usuários que o Linux: 1,93%. No dia que o Linux chegar ao ótimo nível do 2000 – que usei em casa durante vários anos – eu usarei Linux de forma contínua.

O resto é otimismo descabido, tipo dizer que o Brasil é “o país do futuro”. Até creio que sim, mais de um futuro, muito, muito distante, no caso do Brasil.

Já no do Linux, espero que alguém crie outra alternativa melhor para o Windows. Mas que comece a escrever do zero, do “rascunhão” mesmo. É melhor que aproveitar qualquer coisa do “Linux”. Quem tem grana de sobra pra começar algo assim é o Google por exemplo.

26 09 2008
battisti

Cara vou fazer uma previsão:

Você vai usar Linux este ano, acredite as urnas eletrônicas vão rodar Linux sabe por que?

http://br-linux.org/linux/linux-urnas-eletronicas

Ou seja, todo eleitor no brasil mesmo os que NUNCA usou um computador vai usar linux, bom os que justificarem o voto não, mas provavelmente o sistema que computa isso também é linux, todas as lotéricas do brasil usam linux, o exercito brasileiro usa Débian, questão de segurança nacional camarada!

Eu quero saber o que o código faz e muita gente quer, pede pra abrir o fonte do windows que eu quero ver!

26 09 2008
Carlos

Caro amigo, que bom, acho que ficamos num debate mais elevado. Mas veja só, acho que você ainda não entendeu do que estou falando: do Linux como SO para Desktop. Área na qual ele é um fracasso.

Se vão usar Linux nas Urnas, ótimo. Pegam o Linux que é “de grátis”, colocam a interface mais fácil de usar do mundo (a da Urna) e pronto! O eleitor não vai ter que usar comandos para instalar nada, nem resolver problemas de dependências, nem constatar que baixar um software Linux para levar para outro micro [urna] é um pesadelo por causa dessas dependências.

Os caras que tentam fazer uma versão Desktop do Linux (vide Ubuntu e outros) deveriam aprender um pouco com as interfaces das urnas.

Um usuário comum desktop não quer saber de código fonte, ele quer saber de funcionalidade, de amigabilidade. Porque é tão difícil meter isso na cabeça de um Linuxer?

Só se cura um alcoólatra se ele reconhecer que tem um problema. Essa é a filosofia dos AAs. Acho que o mesmo se aplica a comunidade Linux. São incapazes de reconhecer as deficiências do seu sistema. Se reconhecessem, saberiam por onde começar, e poderiam padronizar o mínimo para o Linux ter algum futuro.
O Torvalds não tem visão alguma. Ele só controlar o Kernel decretou o eterno ostracismo do Linux.

O grande exemplo do Software Livre chama-se Firefox. Ele é bem estrutura e de excelente qualidade. Tem muitos colaboradores, mas tem um time que decide o que entra ou na entra no software. Tem uma interface tão simples quanto qualquer outro browser. Ou seja é acessível para os leigos, mas em outro nível, é personalizável para os geeks, através das extensões e do “about:config”.

Em resumo o Firefox se apresenta em dois níveis de interface e possibilidades, simples para os simples e avançado para os avançados. O Linux apresenta o segundo nível e tenta, mal e porcamente se apresentar bem no primeiro nível. Mas… ainda não conseguiu. Uma pena. Verdade, eu lamento mesmo. Lamento que não haja uma boa alternativa para o Windows além do Mac, que é preso numa hardware restrito. Linux ainda é software fundo de quintal nas origens, inadequado para desktops, pois vem do UNIX que é bom para servidores.

Chega a ser triste ver bons programadores tentando adaptar esse engano, quando poderiam começar algo melhor do zero. Até o MenuetOS poderia ser uma base melhor para isso que Linux.

26 09 2008
battisti

Então, linux não é igual ao windows, uma coisa é fato, se duas coisas são iguais então não tem como uma ser melhor que a outra, então é por esse motivo que muitas coisas que os usuários estão acostumados a fazer no windows como por exemplo ao instalar um programa dar next next install, isso não tem no linux pq o método de instalação no windows muito ruim!

Ferramentas de instalação de programas no linux são ótimas vide o synaptic (ambiente gráfico) vc não tem que ir no baixaki baixar o exe e instalar, o synaptic faz tudo por você, se quiser fazer via linha de comando usa apt, veja que tanto para o usuário básico como para o avançado existem ferramentas.

O que acontece é que tem gente que quer usar linux igual usa o windows e isso não tem como, são coisas diferentes, questão de tipos de fonte mesmo, linux não tem ARIAL, ai vc me fala porrrra como que pode linux não ter arial, a resposta é simples PATENTE, mas tem verdana tem times tem curier.

A esposa de um colega meu nunca tinha usado linux na vida, comprou um note com linux e ta usando até hoje, ela nunca tinha visto linux na vida perceba que é um pouco de vontade de aprender o novo.

Hoje uso o ubuntu 8.04, um SO bastante estável e com interface amigável, KDE4 está muito massa, qualquer um que usa windows e ve a interface do KDE4 quer usar pq é muito legal, e isso existia muito antes do window lançar o tal aero que é pesado pra caralho!

[]’s Anselmo Battisti

[]’s Anselmo Battisti

9 10 2008
Carlos

“o método de instalação no windows muito ruim!”

Ruim? É ótimo! Ora, faz sucesso porque é ótimo. Simples e usual. Eu nem gosto de instaladores, prefiro zips e simplesmente descompactar, que é menos sujeira. Mas para o usuário? É fantástico.

Synaptic? Apt? Todo mundo sabe que eles não dão a flexibilidade de baixar aqui, levar pra lá e instalar sem problemas, surgem muitos problemas de dependências e versões de dependências. Guardar para instalar depois, pode muito provavelmente não funcionar. E pior, a “comunidade” Linux não se uni pra resolver isso.

Em suma, não estou falando de Linux ter que parecer com Windows, mas de ter que ser simples. Como o Windows, sim, mas pode ser de outra forma, sendo diferente.

Voltemos ao grande exemplo do Firefox. Não é igual ao IEca, nem precisa ser, mas é tão simples quanto, só que de outras formas.

Claro, ele mantem uma certa padronização já consagrada no mercado pelo usuário. Isso é importante, pois ninguém gostaria de comprar uma TV e ter que ler um manual para descobrir que o botão ON está na parte de trás.

Sugestão para seu próximo post: “Um usuário Linux reconhecendo os defeitos do Linux”. Tenta aí, seria interessante.

9 10 2008
battisti

A simplicidade pode ser conquistada com o tempo de uso, que é o que eu acredito ter acontecido com o windows, ele está sendo usado a tanto tempo que qualquer coisa que tente ser diferente é taxado como difícil simplesmente porque não é igual.

Vejo que isso acontece em vários lugares não apenas na informática, os designer novos geralmente são taxados como ruins qnd quebram um paradigma pré estabelecido.

Estes ‘problemas’ do sinaptic tem haver com a filosofia SL, exemplo o MSN até hoje não tem um corretor ortográfico para ele, no caso dos chat para linux (pidgin, kopettte) usam o ispell que é um software externo, ou seja vc não necessita ter o ispell pra usar o pidgin mas se quiser correção ortográfica vc instala ele, perceba é simples mas de uma forma diferente, ou seja vc instala se vc quiser usar o que não acontece com outros SO.

Qualquer SO tem problemas mas os que são OO podem ser alterados e corrigidos, e esse é o ponto, ser um usuário passivo no LINUX não vai resolver o problema e ser um usuário ativo no windows menos ainda pq vc não tem poder pra corrigir nada!

E dai votou ?

[]’s Anselmo Battisti

9 10 2008
Carlos

Fugiu do assunto total. Pode reler meu post e responder?

Não preciso votar pra usar Linux. Já fiz isso várias vezes.

9 10 2008
battisti

Com relação ao voto foi uma brincadeira :).

Acho que não fugi do assunto não e respondi suas indagações.

Sobre escrever o artigo (Um usuário Linux reconhecendo os defeitos do Linux) não posso fazer pois não daria um artigo, no máximo um resumo, e além disso não houve problema que não pude resolver, claro tem que estudar mas é um preço que estou disposto a pagar pela minha liberdade.

19 11 2008
Thiago

“O grande exemplo do Software Livre chama-se Firefox. Ele é bem estrutura e de excelente qualidade. Tem muitos colaboradores, mas tem um time que decide o que entra ou na entra no software. Tem uma interface tão simples quanto qualquer outro browser. Ou seja é acessível para os leigos, mas em outro nível, é personalizável para os geeks, através das extensões e do “about:config”.”

Será que o linux não tem nenhuma equipe de controle sobre o q entra e o q sai do sistema??? serah q vc jah entrou no site do debian e deu uma boa lida??? ele tb nao eh personalizavel além d ter uma interface interativa com os diversos sistemas d janelas q estao disponiveis??? e caso vc queira instalar apenas um desktop, ele jah lhe dah todas as opcoes padroes, seja debian, ubuntu, kurumin, gos e tals… ah, por acaso qdo vc instala o windows ele jah vem completo? q eu me lembre vc tem d instalar td d novo…

“Em resumo o Firefox se apresenta em dois níveis de interface e possibilidades, simples para os simples e avançado para os avançados. O Linux apresenta o segundo nível e tenta, mal e porcamente se apresentar bem no primeiro nível. Mas… ainda não conseguiu. Uma pena. Verdade, eu lamento mesmo. Lamento que não haja uma boa alternativa para o Windows além do Mac, que é preso numa hardware restrito. Linux ainda é software fundo de quintal nas origens, inadequado para desktops, pois vem do UNIX que é bom para servidores.”

mal e porcamente ao ser simples para os simples??? jah usou o ubuntu 8.10??? velho, se vc quer algo mais facil, utiliza uma maquina de escrever, q deve ser a unica coisa p/ q serve o seu pc… ateh a impressora q estah instalada em seu pc ele, o ubuntu 8.10, localiza automaticamente e instala… software fundo d quintal nas origens??? eh amigo, acho q vc anda meio desinformado msm… se eh tao fundo d quintal, pq a propria microsoft o usa no seu sistema de downloads e atualizaçoes??? acorda (2)!!!!!!

“Em suma, não estou falando de Linux ter que parecer com Windows, mas de ter que ser simples. Como o Windows, sim, mas pode ser de outra forma, sendo diferente.”

A facilidade do windows adveio com o corriqueiro uso q vc fez dele… qdo vc comecou a mexer em pc, por algum acaso nao teve q fazer algum curso??? ou alguem ter de lhe ensinar??? no meu caso aprendi sozinho… e qdo migrei p/ o linux tb foi sozinho… desacredito q a facilidade estah em um sistema ou noutro, mas sim estah na habitualidade d uso d cada um deles.

“Não preciso votar pra usar Linux. Já fiz isso várias vezes.”

nos entendemos o seu fracasso, nao tente defender algo q estah fadado ao desaparecimento… ou serah q vc nao viu tb q a sua amada microsoft ateh ofereceu downgrade do vista pq muitos usuarios nao se adaptaram ou nao tinham hardware necessario??? e outra, enquanto vc gasta 500 pila na licenca do windows e mais 1500 no office, eu utilizo o linux c/ openoffice e uso esses 2 barao p/ comprar um laptop novo… ah, eh claro, vc deve usar pirata, por isso seu windows “tb eh free”… flw

31 12 2008
Israel

Meu Deus, quanta ignorância.

Ganhei meu primeiro micro em 2001 e sou usuário Linux desde então, no entanto, meu SO principal foi o Windows por um bom tempo. Usei os seguintes SO’s da Microsoft: Win98, WinME, WinXP, WinVista. Quanto ao Linux, usei os seguintes: Red Hat, Fedora, Kurumin, Conectiva, Slackware, (K)Ubuntu.

Em meados de 2003, o Linux passou a ser meu SO principal, usando o velho Slack, e não deixando de experimentar outras distros. Então conheci o Ubuntu. Ou melhor, como sou adepto ao KDE, optei pelo KUbuntu.

Sou usuário avançado do Linux, e não estou aqui para passar informações técnicase sim minha experiência. Bem, mas o que muito me incomoda são usuários que não conhecem outros produtos com o mesmo propósito e criticar os outros. Bem, em nosso caso o propósito aqui é de um software ue sirva como uma interface entre o homem e o computador. Provavelmente, todos que postaram alguma mensagem aqui, já usou o Windows e imagino que outro (singular mesmo) só viu o Linux em algum computador com um sistema pré-configurado, instalado por empresas para reduzir o custo do produto final.

Pela minha experiência em SO’s, aprendi que o melhor SO é aquele que melhor se adapta a suas necessidades. No meu caso é o Linux mesmo. Como um amigo acima já disse, existem diversas distros Linux que já vêm com o “tudo”. É lógico que “tudo” não é tudo. Mas Word, Excel, PowerPoint … … não precisamos instalar (dentre outros softwares). Sem falar em Antivirus, que todo Windows precisa e ainda não dão conta. Posso entrar em qualquer site, baixar qualquer arquivo, sem o mínimo de preocupação. E ainda, com desempenho.

Atualmente ainda uso o Windows, pois gosto de jogar. Mas o Wine já têm ajudado bastante. Instalei o Vista à 2 dias, e já me decepcionei, com uma característica marcante da Microsoft: Toda vêz que for usar um SO novo é necessário ter uma máquina nova. Tenho uma máquina com cerca de 2 anos e meio, Processador Athlon 64 2Ghz, 1,5Gb de RAM, placa mãe Asus, com tudo offboard e o desempenho está ruim. Usável, mas ruim. Enquanto o Linux KUbuntu, uso a mais recente, com performance excelente para ouvir música, ver filmes ou para uso profissional.

Bem, aqui só é mais uma opinião de quem já usou outras SO’s, assim como outros que postaram mensagens aqui.

Até!

21 10 2009
edivanfox

Como falado acima, o melhor SO é aquele que atende a sua necessidade.
Eu instalo windows em máquinas dos meus colegas, coloco vários programas, antivirus, firewall, antispyware, programas para desempenho do registro, etc. é maçante ficar instalando tantos apps de segurança e melhoria do SO.
Mal a MS lança um novo sistema e lá vem um service pack, oras, se não está bom então não lança, deixa pra liberar quando tiver bom. Mas não, que isso, o usuário que se vire e instale o service pack, paths, etc.
Outra coisa, aqui no brasil usa-se programas pagos de maneira totalmente in-legal, baixados da net e instalado o crack pra validar o mesmo, alias, o próprio windows é crackeado, os jogos com gráficos maravilhosos, na maioria das vezes são baixados e metido o crack. Eu só discuto pessoalmente com alguém sobre qual melhor SO se a pessoa tiver dentro da lei, com seu windows e programas pagos originais.

9 12 2009
Gerson

Prezados colegas
Acompanhei a discussão dos senhores e achei muito interessante. Coloco um problema bastante sério atualmente: vírus. Uso o ubuntu (larguei totalmente o windows, não o tenho nem instalado em minha máquina) e diferente de meus colegas de trabalho (sou professor universitário) nunca tenho problemas de vírus, o que não acontece com os mesmos devido ao uso de pendrives nos computadores da faculdade (windows) e de casa (windows tb).
Espero ter contruibuído.

20 12 2009
Rodrigo Justi

Boa dica. Quanto a esse erro acontecer no Windows, ele ocorre SIM, queiram as senhoras Windowsistas queiram, quer não. Se você não tiver pacotes de codecs, não grava quase nada.

E quanto a tela azul, no Vista existe até a tela vermelha!

E o Ubuntu é mais fácil de usar, eu provo… mandem-me um e-mail se duvidarem.

9 02 2010
Washington

Linuxers ficam tão desesperados com a falta de usabilidade de seu sisteminha fajuto, que apelam a coisas que não tem nada a ver com o usuário, do tipo: “as urnas usam Linux”, “seu celular pode estar sendo usando uma distro Linux”, “o metrô não sei de onde usa Linux”, “os servidores usam Linux”.

Acordem, seus ABOBADOS! Tudo isso NADA TEM A VER com usuário. Ele não está diretamente lidando com o sistema operacional. Ele LIDA COM O SISTEMA quando este ESTÁ NO SEU COMPUTADOR DOMÉSTICO. São coisas óbvias, mas que vcs não percebem.
Eu posso acessar um site que roda no Linux, mas isso não me importa, afinal ele está simplesmente me mostrando ESTAS páginas, nada mais.

Quando falamos em produtividade, estamos nos referindo a um sistema poderoso que faça tudo que queremos. Quem é esse sistema poderoso? Windows.

Espero que vcs aprendam a argumentar de agora em diante. Não é possível..

9 02 2010
Rodrigo Justi

Não dá pra sair definindo um sistema operacional melhor que o outro. Não dá. Não existe um melhor que o outro. Queiram vocês ou não. Paciência. Se eu quero jogar, ter um sistema “for dummies”, usar a maioria dos programas e dispositivos do mercado, e altamente personalizável e compatível, eu uso Windows. Se eu quiser um sistema seguro, à prova de falhas, gratuito, anti-pirataria e algo para inteligentes, eu uso Linux. Se eu quero evitar um sistema pouco seguro, extremamente instável (Windows é MUUUITO instável, de cada 10 problemas, 7 necessitam de reistalação do SO, enquanto que no Linux isso cai a 2 de 10) e lento, eu não uso Windows. Se eu quero evitar um sistema bem complicado de usar, com pouco suporte (O Linux só conta com os fórums de usuários que nem sempre te ajudam), com pouca compatibilidade, eu evito usar Linux.

E por aí vai.

Windows nunca será um sistema poderoso. Ele é muito falho.
Linux nunca será adepto de toda população se continuar difícil e incompatível assim.

E se as urnas vão usar Linux, parabéns ao governo, pois qualquer idiota pode burlar ou invadir sistemas com base Windows.

Eu CONSIGO PROVAR que Windows é realmente lento, e que o Linux é altamente incompatível, se quiserem é só pedirem.

9 02 2010
Washington

“Coloco um problema bastante sério atualmente: vírus. ”

E ainda diz que é professor. Que professor diz que vírus é problema sério??? Pega vírus quem quer, meu caro. Acorde.

29 01 2011
Joander

não sei nem o que vocês estão falando direito, rsrss

so estou tentando gravar um cd por isso entrei aqui, porque a porcaria do k3b não grava um cd a partir de mp3, se ele fala que é um gravador de cd porque ele ja não vem pronto para isso, ate o assistente de gravação de cd do própio windows faz isso, quando abaco de instalar o windows sem precisar conectar a internet ele faz isso, eu usu uma internert imprestada, da minha irmã, acabei de crer uma coisa.

NÃO É POSSÍVEL USAR O TAL DO LINUX SEM INTERNET, COMO NO WINDOWS.

NO WINDOWS EU TINHA UM DVD CHEIO DE TODOS OS PROGRAMAS QUE PRECISAVA, QUANDO PRECISAVA ERA SO EU FORMATAR O COMPUTADOR E SEM INTERNET EU COLOCAVA TODOS OS MEUS PROGRAMA DI VOLTA COM POUCOS CLIQUES.

ALGUEM ME DE UM INSENTIVO PARA EU NÃO DESISTIR DE USAR O LINUX. CASO CONTRÁRIO VOU TER QUE PAGAR UMA LICENÇA DO WINDOWS 7, PORQUE SIRVO A CRISTO E NÃO USO SOFTWARE PIRATA.

AH. ESTOU USANDO O SUSE 11.3
E NO GERENCIADOR DE PACOTES ESTA APARECENDO UM ERRO “Houve um erro na inicialização do repositório.”

NO AMOR DE CRISTO.
JOANDER

31 01 2011
battisti

Realmente isso que você colocou é bem verdade!

NÃO DA PRA USAR LINUX SEM INTERNET!

não é que não dê mas fica bem difícil de usar pois os sistemas UNIX nasceram para ser multi usuário e viver em rede eles não gostam de viver sozinho pois são micro kernel ou seja cada parte do SO é independente sendo assim uma distro pode vir com uma parte que outra distro nao possua nativamente pois seus programadores não julgaram isso necessário.

No caso do K3B e o MP3 o problema está no fato de que MP3 tem Copy Right e patente sendo assim vai contra com a filosofia de algumas “quase todas” as distros ou seja para você instalar tem que habilitar na lista de repositórios os ŕepositórios chamados “non-free” ou seja onde existem pacotes que podem contem restrições de uso.

Sobre gravar os CDS com os softwres realmente não funciona legal pois o cara que programa pra linux procura não reinventar a roda, por exemplo, se eu quero colocar no meu softwrae as função de correção ortográfica porque eu vou implementar isso se o ispell já faz isso muito bem, eu apenas uso a lib é claro que na hora de instalar caso a maquina do cliente não tenha o ispell ele vai ter que baixar e instalar coisa que fica complicada usando apenas um CD com a instalação do software!

Bom é isso 🙂 fico muito feliz pelas suas contribuições

24 05 2011
Abimael

Amigos..
Estive lendo as suas colocações e temos que ser coerentes.
Aos amigos do Windows que acham que Windows é o melhor sobre aparência, telas , gráficos, etc, etc, etc.. Acho que os senhores estão um pouco enganados. O melhor neste critério é o MacOs que desde o início sempre foi bonito, agradável e extremamente fácil de utilizar, desde a barra de programas até a instalação /desinstalação de programas.
Sobre linux, posso testemunhar que a sua interface tem melhorado e muito . Instalei Ubuntu para minha esposa e ela é leiga no aspecto computacional .Entende apenas como usuária e tem percebido grandes vantagens, tais como rapidez e facilidade de uso.
O grande detalhe do windows é que existe uma empresa que faz coisas para vender. Nada contra isto mas infelizmente ele não é o melhor e tem várias dificuldades e tem várias coisas que ele simplesmente trava ou é lento ou usa muita memória..
Vejam que cada versão do Windows traz poucas coisas realmente novas entre uma versão e outra, mas normalmente vc precisa atualizar seu equipamento para poder utilizá-la..
E sobre codecs ou plugins, existem problemas no windows sobre isto sim.. Quantas vezes vc já não teve problemas para rodar aquele videozinho que vc baixou da internet e precisou procurar um pacote de codecs.
Abraço a todos

24 05 2011
Washington

“ele simplesmente trava ou é lento ou usa muita memória..”

Trava ou será que vc que instala malwares? Aqui, desde o Windows XP, não vejo mais travamento, nem consumo de memória em demasia. O 7 então, nem se fala… Excelente S.O.

“Vejam que cada versão do Windows traz poucas coisas realmente novas entre uma versão e outra”

Quais as novidades trazidas pelo Ubuntu? Diz que o sistema é livre, quer ser melhor que o Windows, mas continua não tocando mp3 de forma nativa.
Os mensageiros instantâneos continuam uma pobreza: vc quer um em que possa usar a webcam e falar pelo microfone. Tem que escolher um que seja bonito(mas não tem suporte) ou que tenha a função desejada(mas é horroroso).

“Quantas vezes vc já não teve problemas para rodar aquele videozinho que vc baixou da internet e precisou procurar um pacote de codecs.”

É só baixar o VLC media player, seja qual for o sistema. Não precisa de codecs.

24 05 2011
Rodrigo Justi

“Trava ou será que vc que instala malwares? Aqui, desde o Windows XP, não vejo mais travamento, nem consumo de memória em demasia. O 7 então, nem se fala… Excelente S.O.” (Washington)

Você não vê travamentos? O que me diz de BSOD e RSOD, ataques de vírus, desfragmentação no mínimo mensal e limpeza de disco freqüente? Isso sem contar que Windows XP numa máquina com mais de 2 GB só assim consegue desempenho aceitável sem travar muito. Windows 7 melhorou muito, mas tem muitas coisas copiadas do OSX.

“Quais as novidades trazidas pelo Ubuntu? Diz que o sistema é livre, quer ser melhor que o Windows, mas continua não tocando mp3 de forma nativa.
Os mensageiros instantâneos continuam uma pobreza: vc quer um em que possa usar a webcam e falar pelo microfone. Tem que escolher um que seja bonito(mas não tem suporte) ou que tenha a função desejada(mas é horroroso).” (Washington)

O Ubuntu consegue tocar MP3 sim, basta marcar uma simples caixa de diálogo durante a instalação.
Os mensageiros são um problema mesmo, concordo, mas do que adianta ter um mensageiro bonito, como o WLM 2009, que trava todo dia e vive cheio de erros 0x0000000?

“É só baixar o VLC media player, seja qual for o sistema. Não precisa de codecs.”
Baixando ele está usando um programa open-source. Ubuntu também é open-source, por que cospe no prato que come? E o Rhytmbox não dá problemas quando não tem codecs, ele simples os baixa, o que o Windows Media Player faz? Exibe mensagem de erro.

27 05 2011
Washington

“Você não vê travamentos? ”

Nenhum. Estou com a mesma instalação do XP SP2 há uns 5 anos, desde a última troca de placa-mãe.

B/RSOD em 98% das vezes é causado por HARDWARE!

Não existe “ataque” de vírus e sim usuário que executa arquivos sem observar a extensão. Vcs estão sempre nessa ladainha. Não têm argumentos.

Desfragmentação pode ser feita automaticamente e não prejudica o desempenho do computador. Enquanto está sendo feita, podemos trabalhar como se ele(desfragmentador) não estivesse rodando.

“Isso sem contar que Windows XP numa máquina com mais de 2 GB só assim consegue desempenho aceitável sem travar muito.”

Isso é mentira. Só tenho 1GB, sendo 32 mega ocupado p/ placa de vídeo onboard, diversos programas instalados e nunca vi travamento.
Fundamente suas ideias. Reveja se seu hardware está em condições normais e se vc não instalou algum malware. Esse último costuma ser o causador.

“O Ubuntu consegue tocar MP3 sim, basta marcar uma simples caixa de diálogo durante a instalação.”

Não comigo.

“o que adianta ter um mensageiro bonito, como o WLM 2009, que trava todo dia e vive cheio de erros 0×0000000?”

Outra invenção sua.

“Baixando ele está usando um programa open-source. ”

Não importa que seja open source. O fato é que ele presta. O Linux, não.

27 05 2011
Rodrigo Justi

“Nenhum. Estou com a mesma instalação do XP SP2 há uns 5 anos, desde a última troca de placa-mãe.

Desfragmentação pode ser feita automaticamente e não prejudica o desempenho do computador. Enquanto está sendo feita, podemos trabalhar como se ele(desfragmentador) não estivesse rodando.”
Sim, tudo bem, concordo. Nunca disse que o Windows fosse um sistema ruim, mas vamos nos concentrar num fato: Em cinco anos, quantas vezes precisou fazer limpeza de disco? Quantas vezes precisou desfragmentar? Quantas vezes precisou verificar vírus com um bom antivírus? Quantas vezes precisou checar se o mesmo estava atualizado? Quantas vezes precisou ir atrás de atualizações para seu sistema e seus programas, individualmente?
Resposta: Inúmeras! Tente contar no dedo… Isso se você gosta do seu computador. Agora, pare e pense: Não é necessário desfragmentar regularmente discos com sistema de arquivos ext4, o próprio sistema de arquivos é preparado pra isso. Limpeza de disco não existe pro Ubuntu, você pode de vez em quando apagar o cache do seu navegador, mas mais nada. Não é necessário varrer o Linux atrás de vírus, ele não tem vírus (já que tudo é comando de super-usuário). O Ubuntu verifica atualizações de todos os seus programas e atualiza tudo quando você faz atualizações do sistema.

“B/RSOD em 98% das vezes é causado por HARDWARE!”
Não, apenas 60% de telas azuis e vermelhas são de hardware, os outros 30% são erros de disco causados pelo mal gerenciamento de NTFS do Windows que danifica os próprios arquivos de boot e não consegue carregar, e o resto são os vírus.

“Não existe “ataque” de vírus e sim usuário que executa arquivos sem observar a extensão. Vcs estão sempre nessa ladainha. Não têm argumentos.”
Tá. Somente um exemplo: E o Conficker?

“Não comigo.” (MP3 no Linux)
Tente novamente. Você não deve ter feito direito.

“Outra invenção sua.” (WLM com erros)
Tem certeza?
http://www.google.com.br/search?sourceid=chrome&ie=UTF-8&q=erro+msn
Dá uma olhada na quantidade de resultados.

“Não importa que seja open source. O fato é que ele presta. O Linux, não.”
“Outra invenção sua.”

—————————————

Bom amigo, não vai adiantar em nada nós ficarmos debatendo essa idéia, que com certeza foi uma das mais debatidas em 20 anos. Você não vai deixar de usar o Windows (mesmo que seja um laboratório de vírus, caro-pra-chuchu e o mais pirateado que existe). Mas é sempre bom reconhecer a superioridade dos sistemas Linux.

27 05 2011
Washington

“Em cinco anos, quantas vezes precisou fazer limpeza de disco? ”
Por acaso vc não limpa o cache do navegador independente do sistema operacional que use? Seja Windows, Linux, MacOS, FreeBSD…
É basicamente a mesma coisa. Uma limpeza não mata.

“Quantas vezes precisou desfragmentar? ”
Mas não atrapalha na produtividade. Tudo pode ser agendado. No meu pc, por exemplo, existe a hora do backup, todo dia. A hora do desfragmentador etc. É feito automaticamente. É só usar a cabeça. Computador serve pra trabalhar pra nós e não o contrário. Essa é uma das razões que eu abomino Linux. O que é feito no Windows com pouco esforço é feito no Linux com muito mais trabalho.

“Quantas vezes precisou verificar vírus com um bom antivírus? ”

Não faço verificação, nem mesmo possuo anti vírus. Não uso o Internet Virus Explorer, o navegador mais cheio de furo na história da informática. Uso o Opera.

Não abro anexos pif, bat, com, vbs, exe ou links que apontem pra esses arquivos. Ao clicar NUM LINK, obrigatoriamente vai aparecer uma caixa de diálogo que em termos simplistas, diz: “vc quer abrir esse arquivo?”
É só LER. Se está mostrando a extensão de um arquivo que não conheço, por que vou abrir? As pessoas NÃO GOSTAM de ler, abrem essas caixinhas a torto e a direito e depois vêm reclamar que o Windows é “inseguro”. Dai-me paciência!

“Quantas vezes precisou checar se o mesmo estava atualizado? ”

Não atualizo. Windows update desabilitado através do services.msc.
Se vc acredita em tudo que aparece em site de notícias, lamento informar: te iludiram, te enganaram.

Não é porque apareceu um bug que necessariamente vc está em risco.
Depende da gravidade. E pode ter certeza que no mínimo 95% das vezes é tolice.

“O Ubuntu verifica atualizações de todos os seus programas e atualiza tudo quando você faz atualizações do sistema.”

Eu sei, é um sistema que adora catar migalhas. Apareceu um bugzinho, lá vem o metido querendo atualizar.
Já vi dezenas de vezes durante o download de programas no ubuntu um pedido pra baixar pacotes que depende de outros pacotes e assim por diante. A depende de B que depende de C que depende de D…

“Não, apenas 60% de telas azuis e vermelhas são de hardware, os outros 30% são erros de disco causados pelo mal gerenciamento de NTFS do Windows que danifica os próprios arquivos de boot”

O próprio sistema se danifica? O que é isso? Mágica? Rapaz, raciocine direito.
Computador só faz o que foi programado, ou algum processo ou programa interferiu.

“E o Conficker?”

Um bug raro e só prejudicou quem tinha o (serviço) servidor habilitado. Usuários de desktop, principalmente aqueles que só tem um computador, se mantinham o serviço, foi porque quiseram ou por ignorância.

“erro msn”

Isso não mostra alguma coisa.

Se fosse assim, procure “erro Ubuntu” (1.110 resultados).

“é sempre bom reconhecer a superioridade dos sistemas Linux.”

É, te disseram que ele é melhor e vc acreditou.

30 05 2011
Rodrigo Justi

“Por acaso vc não limpa o cache do navegador independente do sistema operacional que use? Seja Windows, Linux, MacOS, FreeBSD…
É basicamente a mesma coisa. Uma limpeza não mata”
Não, não limpo. Não afeta nada o desempenho de meu web browser nem do sistema operacional.

“Mas não atrapalha na produtividade. Tudo pode ser agendado. No meu pc, por exemplo, existe a hora do backup, todo dia. A hora do desfragmentador etc. É feito automaticamente. É só usar a cabeça. Computador serve pra trabalhar pra nós e não o contrário. Essa é uma das razões que eu abomino Linux. O que é feito no Windows com pouco esforço é feito no Linux com muito mais trabalho.”
Quanto dos recursos da máquina uma desfragmentação ocupa? Backup? No Linux, por não precisar fazer NADA disso (recomendando apenas o backup por prevenção) tenho todo o desempenho da máquina disponível para minhas tarefas.

“Não faço verificação, nem mesmo possuo anti vírus. Não uso o Internet Virus Explorer, o navegador mais cheio de furo na história da informática. Uso o Opera.”
Mas não é só por internet que se passa vírus. Pendrives também. Rede também.

“Não abro anexos pif, bat, com, vbs, exe ou links que apontem pra esses arquivos. Ao clicar NUM LINK, obrigatoriamente vai aparecer uma caixa de diálogo que em termos simplistas, diz: “vc quer abrir esse arquivo?”
É só LER. Se está mostrando a extensão de um arquivo que não conheço, por que vou abrir? As pessoas NÃO GOSTAM de ler, abrem essas caixinhas a torto e a direito e depois vêm reclamar que o Windows é “inseguro”. Dai-me paciência!”
Meu velho, até mesmo se você abre uma ini do sistema do Windows aparece essa estúpida mensagem. Então você não baixa programas? Essa caixinhas já falhou dezenas de vezes.

“Não atualizo. Windows update desabilitado através do services.msc.
Se vc acredita em tudo que aparece em site de notícias, lamento informar: te iludiram, te enganaram.Não é porque apareceu um bug que necessariamente vc está em risco.Depende da gravidade. E pode ter certeza que no mínimo 95% das vezes é tolice.”
Reconheces então que as próprias atualizações do seu sistema Windows podem danificar teu sistema. Não acredito em tudo o que vejo em sites de notícias.

“Eu sei, é um sistema que adora catar migalhas. Apareceu um bugzinho, lá vem o metido querendo atualizar.
Já vi dezenas de vezes durante o download de programas no ubuntu um pedido pra baixar pacotes que depende de outros pacotes e assim por diante. A depende de B que depende de C que depende de D…”
Pelo menos ele não dá um erro, como o Windows, quando ele executa programa A e dá erro porque não tem o programa B, e depois de você procurar a rodo o programa B, ainda dá outro erro do programa C, e pelo C vocẽ precisa pagar.

“O próprio sistema se danifica? O que é isso? Mágica? Rapaz, raciocine direito.
Computador só faz o que foi programado, ou algum processo ou programa interferiu.”
Não deves enteder nada de programação. Se voce faz errado, prejudica muitos processos. Outra coisa, usuário não pode instalar um simples jogo em sua máquina que já dá esse erro. Já vi dezenas de usuários tentando instalar um jogo original (repito ORIGINAL) e dá erro. Erro: UNRECOVERABLE_BOOT_FAILED. Corrompeu instalação. Outro usuário simplesmente reiniciou seu micro. SESSION5_INITIALIZATION_FAILED. Tenha paciência!

“Um bug raro e só prejudicou quem tinha o (serviço) servidor habilitado. Usuários de desktop, principalmente aqueles que só tem um computador, se mantinham o serviço, foi porque quiseram ou por ignorância.”
Raro sim. Imagino. 80% das máquinas estavam vulneráveis aos ataques. Microsoft lançou três atualizações de importância máxima para desktop e server. Não é raro.

“Se fosse assim, procure “erro Ubuntu” (1.110 resultados).”
Procure “erro Windows” (6.220.000 resultados).

“É, te disseram que ele é melhor e vc acreditou.”
Não, testei sozinho. Depois me arrependi de perder anos usando Windows.

30 05 2011
Washington

“Não, não limpo. Não afeta nada o desempenho de meu web browser nem do sistema operacional.”

Outra invenção sua. Acúmulo de arquivos temporários prejudica qualquer sistema. É questão de lógica.

“Quanto dos recursos da máquina uma desfragmentação ocupa? Backup?”

Não afeta o desempenho e a duração(tempo que leva executando) está relacionada ao tamanho do HD e quantidade dos arquivos.

“Mas não é só por internet que se passa vírus. Pendrives também. Rede também.”

O mesmo blablabla de sempre. Pendrive depende da ação do usuário. Por que não desabilitar o autorun?! E não obrigatoriamente todo mundo sai plugando pendrive em computadores desconhecidos.
Contaminação via rede é a mesma coisa.

“até mesmo se você abre uma ini do sistema do Windows aparece essa estúpida mensagem. Então você não baixa programas?”

Baixo programas dependendo DE ONDE e dando uma olhada na eula, desmarcando as besteiras que acompanham alguns programas, como exemplo, toolbars.
Voltamos ao mesmo ponto: leitura. Quem lê está em vantagem. Assim como não se deve comprar alguma coisa sem ler a descrição, os recursos, pra saber se aquilo satisfaz as necessidades, também não se deve instalar tudo que aparece, sem analisar.

“Essa caixinhas já falhou dezenas de vezes.”

Como poderia falhar, se pra instalar qualquer programa legal, obrigatoriamente ela aparece?
Digo “legal”, pois existem os (programas)ilegais, é claro: trojans que se aproveitam de falhas do navegador, por exemplo, mas essa é outra história.

“Reconheces então que as próprias atualizações do seu sistema Windows podem danificar teu sistema. ”

Eu não disse isso. Disse que não existe necessidade de instalar atualizações sem verificar do que se trata. A maioria delas é bobagem.

“Pelo menos ele não dá um erro, como o Windows, quando ele executa programa A e dá erro porque não tem o programa B, e depois de você procurar a rodo o programa B, ainda dá outro erro do programa C, e pelo C voc? precisa pagar.”

As informações são bem claras: “este programa requer o .Net Framework 2.0”.
“Este programa requer o JVM”. Uma vez instalado, pronto, nada mais de dependência.

“Não deves enteder nada de programação. Se voce faz errado, prejudica muitos processos.”

Quem fez errado, a Microsoft? O que vc disse parecia dar a entender que sim.

“usuário não pode instalar um simples jogo em sua máquina que já dá esse erro. Já vi dezenas de usuários tentando instalar um jogo original (repito ORIGINAL) e dá erro. ”

Procure no google que vc vai achar também milhões de erros sobre o Ubuntu.

” 80% das máquinas estavam vulneráveis aos ataques.”

Esse 80% foi inventado por vc ou buscou em fonte não confiável.

“Procure “erro Windows” (6.220.000 resultados).”

Mais usado= mais usuários = mais pessoas postando. A vantagem disso é que quem usa o Windows tem uma farta quantidade de informação. Já quem usa o Linux, por exemplo, ao procurar um erro, precisa verificar no google se corresponde ao Ubuntu, Linux Mint, Suse e outras centenas de distribuições. Isso se achar.

30 05 2011
Rodrigo Justi

“Outra invenção sua. Acúmulo de arquivos temporários prejudica qualquer sistema. É questão de lógica.”
Só pra efeito de teste, hoje limpei o cache do meu navegador. Não mudou em nada o desempenho. Ficou ótimo, como sempre. O cache do meu navegador não afeta o desempenho de meu sistema operacional. Seria questão de lógica se fosse Windows, onde se você criar um arquivo .txt na raiz já deixa o sistema pesado. Onde o Windows gerencia muito mal a memória usada e os recursos que a máquina possui.

“Não afeta o desempenho e a duração(tempo que leva executando) está relacionada ao tamanho do HD e quantidade dos arquivos.”
Isso somente se você possui um computador muito bom, mas e os pobres usuários que usam 512 MB de RAM? Isso porque as exigências mínimas do Windows são 64 MB de RAM, quem conseguiu fazer essa proeza?

“O mesmo blablabla de sempre. Pendrive depende da ação do usuário. Por que não desabilitar o autorun?! E não obrigatoriamente todo mundo sai plugando pendrive em computadores desconhecidos.
Contaminação via rede é a mesma coisa.”
Não é não. Já vi muitos vírus se passarem por redes sem precisar de ação de usuário. Vírus não passa somente por executáveis e arquivos em lotes. Pesquise melhor.

“Eu não disse isso. Disse que não existe necessidade de instalar atualizações sem verificar do que se trata. A maioria delas é bobagem.”
E as atualizações de segurança? São bobagem? Os negócios que foram feitos reconhecendo os bugs nativos e tentando melhorar, são bobagem?

“As informações são bem claras: “este programa requer o .Net Framework 2.0″.
“Este programa requer o JVM”. Uma vez instalado, pronto, nada mais de dependência.”
O Ubuntu simplesmente baixa e instala, SEM MOSTRAR JANELA DE ERRO! Mágica?

“Quem fez errado, a Microsoft? O que vc disse parecia dar a entender que sim”.
Então não posso instalar um simples jogo na minha máquina sem ficar com medo de dar erro? Pra depois precisar gastar com técnico?

“Mais usado= mais usuários = mais pessoas postando. A vantagem disso é que quem usa o Windows tem uma farta quantidade de informação. Já quem usa o Linux, por exemplo, ao procurar um erro, precisa verificar no google se corresponde ao Ubuntu, Linux Mint, Suse e outras centenas de distribuições. Isso se achar.”
Sim, pode até ser mas avalie as respostas.

Erro Windows = reinstale o sistema operacional.
Erro Linux = faça isso (e ainda por cima via modo gráfico).

Agora, por um segundo esquece tudo isso acima e me diga a causa de seu ódio pelo Linux. Eu não odeio o Windows, eu o uso no trabalho, mas não é o meu preferido por centenas de motivos. Já me deu muita dor de cabeça usar Windows. Mas é o sistema que faz com quem tem algum conhecimento mais avançado ganhar um dinheirinho extra no final de semana.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: